UM

Love is all that you can't leave behind

 

“And love is not the easy thing
Is the only baggage that you can bring
Love is not the easy thing
The only baggage you can bring
Is all that you can’t leave behind”

Walk on – U2

Hoje completo um ano de Alemanha.

Há exatamente 365 dias atrás deixei minha casa, minha família, meus amigos, minha vida, pra começar tudo do zero aqui!

Amigos antigos, amigos recentes porém igualmente importantes, minha cachorra Pepita que quase me faz morrer de saudade, minhas sobrinhas e principalmente meus pais que tinham acabado de perder meu irmão e agora ( mesmo que os planos já tivessem sido feitos há muito tempo) teriam que lidar com a minha ausência também.

Quase desisti, por meses me senti horrível e não foi fácil seguir com a decisão de vir, mesmo que todos e principalmente minha mãe me dissessem: Vai!

Não foi fácil há um ano atrás e hoje continua ainda não sendo.

Falar alemão no dia a dia não é fácil, lidar com a falta de proximidade e empatia das pessoas também não é, sentir saudades de casa às vezes parece que vai me sufocar aqui, mas eu aguento!

Pois só aqui aprendi que lar, casa, é onde o nosso coracão sempre vai morar.

Por isso não importa o quão longe a vida nos leve. Se o amor, a amizade, a união for mantida, nós sempre estaremos em casa de alguma forma!

Aprendi também que o tempo e a distância fortalecem as uniões verdadeiras e delicadamente afasta as que não têm muito futuro ou até mesmo sinceridade, porque amar à distância é mesmo apenas para os fortes e nobres de coração.

E que devo agradecer de joelhos todos os dias por todos que mesmo de longe ainda se preocupam, torcem, se alegram e se entristecem junto comigo nessa viagem!

E esse agradecimento inclui em grande parte vocês que me acompanham aqui no blog.

Muitos já me conheciam e vieram me acompanhar, outros me acharam nesse mundão da internet e me presentearam com muito carinho, cuidado, bons conselhos, boas energias e principalmente com uma amizade pura, pois mesmo sem nunca termos nos visto, sei que a qualquer desabafo, comemoração ou até mesmo lamentação vocês vão estar por aqui!

E isso me alegra muito! Me deixa honrada de verdade!

Não quero me demorar muito porque esse post tem chances de ficar enorme e extremamente saudosista e eu já choro aqui enquanto tô escrevendo…

Mas quero encerrar apenas dizendo que tudo tem valido muito a pena e que eu tenho feito o possível, dando o meu melhor pra deixar todos vocês orgulhosos e um dia, quem sabe; vocês ainda vão pensar em mim com um sorriso no rosto ao se lembrarem dos meus causos.

Apenas um aninho! E como um bebê nessa idade, eu tenho aprendido a falar, a andar, a me comunicar e principalmente a descobrir cada dia um mundo diferente dentro do meu próprio universo!

E que bom que posso contar com vocês nessa aventura!
Se eu pudesse representar tudo que aconteceu comigo até aqui com uma única música, seria essa:

Um beijo bem grande, obrigada por tudo, tudo mesmo, de verdade!

Bruno, meu irmão querido, Nao há um dia sequer que eu não pense em você! Brigada por ter me incentivado a vir pra cá na nossa última conversa! Agora eu sei que você sempre esteve certo! Te amo!

Pam

Anúncios

25 comentários sobre “UM

  1. Lucele Botelho 11 de fevereiro de 2014 / 22:27

    Pam tenho certeza que não foi facil, mas eu sempre acreditei que vc tinha capacidade de sobra para seguir sua vida e fazer bonito mesmo longe do seu pais, sinto muito sua falta, amigos como vc esta em falta no mercado (rs), me orgulho muito de vc por muitos motivos e tenho certeza que muitas pessoas tmb principalmente seu pai e sua mae se orgulham tmb…sei q vc ja sabe mas quero te dizer de novo que eu te amo…e que é só o inicio q que o melhor de Deus ainda esta por vir na sua vida

    .E eu estarei aqui torcendo sempre por vc…grande bjo

    Curtir

    • pammiksch 13 de fevereiro de 2014 / 22:22

      Lulu, meu amor!
      O que seria de toda essa história sem a sua ajuda?!
      Eu que tenho que agradecer por ter você na minha vida, por poder ter você pra me ajudar a realizar tudo isso!
      Tô morrendo de saudades de você e da minha princesa!
      mas logo, logo a gente vai se ver!
      Te amo demais!!

      Curtir

      • Lucele Botelho 14 de fevereiro de 2014 / 1:13

        Tmb estamos com saudades de vc, Ela sempre pergunta e eu digo q vc esta no shopping…kkk
        Não fiz nada!!!
        Foi tudo mérito seu…grande bjooo!!!!

        Curtir

  2. Paula Oliveira 11 de fevereiro de 2014 / 23:07

    Pamela, que lindo post. Essa música do U2 se encaixou perfeitamente em tudo que vc disse.

    “amar à distância é mesmo apenas para os fortes e nobres de coração”

    Eu não poderia concordar mais com vc.

    Te desejo tudo de melhor nessa eterna jornada de expatriada e que vc aprenda a lidar com todas as faces dessa nova vida. Vc é muito corajosa.
    Um beijo

    Curtir

    • pammiksch 13 de fevereiro de 2014 / 22:26

      Ah Paulinha!
      Você me chamar de corajosa e dizer que gostu do meu post me fez ganhar o dia, de verdade!
      eu que me emociono muito com a sua força, a sua coragem, a sua sensibilidade principalmente!
      Simplesmente amo seus textos e já tenho um carinho enorme por você!
      Muito obrigada por fazer parte desse meu mundinho aqui também, viu?
      Um beijo beeem grandão!

      Curtir

  3. Lu 11 de fevereiro de 2014 / 23:22

    Parabéns pelo primeiro ano de vida!! Sim porque mudar de país é uma das coisas que faz uma pessoa renascer… acho, né?
    Olha, Pamela, língua, gente com cara azeda, frio, falta de sol e de praia: não comparo absolutamente nada disso com o dia de embarcar naquele avião. Penso até hoje que talvez tenha sido o dia mais difícil dessa decisão de morar fora…
    Beijo grande e que venham muitos anos felizes pela frente!
    Lu

    Curtir

    • pammiksch 13 de fevereiro de 2014 / 22:29

      Brigada, Lu!
      Me sinto exatamente como se tivesse renascido!
      Mudar de país é aprender a fazer tudo de novo, das coisas até as mais complexas!
      Um aninho eu tô aprendendo a falar ainda, a andar ( principalmente de trem) , falo coisa errada e todo mundo ri e por aí vai!
      Mas você tem razão, o dia do embarque foi a hora mais difícil e eu nao me lembro de nehum outro dia da minha vida que horas tivessem passado tão rápido quanto aquele.
      u queria aproveitar cada segundinho que restava na minha casa, mas o dia simplesmente nem existiu, ele voou!
      E agora eu tô aqui já a há um ano e nesse um ano conheci pessoas e iz coisas maravilhossas por aqui!
      e você também faz parte disso tudo!
      Muito obrigada!
      Beijões grandões

      Curtir

  4. Vânia 12 de fevereiro de 2014 / 1:00

    Pam… Posso te falar uma coisa? Chorei! Porque é assim mesmo que acontece para quem está longe dos seus. Eu tenho dias tristes, felizes, pacatos e eufóricos e apesar de todo o desafio que enfrentamos ao sair do nosso país, resolvi seguir em frente. Ser positiva e olhar para o alto!
    Que todos os dias de sua vida sejam aproveitados um de cada vez e que vc nunca perca a alegria de viver e nem esse sorriso maroto. Que vc nunca desista de ter fé, pois isso sim move montanhas.
    Desejo que venham muitos e muitos anos de felicidade, sucesso e proteção do cara lá de cima, porque ele sabe o que faz.
    Um beijo enorme no seu coração!

    Curtir

    • pammiksch 13 de fevereiro de 2014 / 22:34

      Vania, minha linda!
      Sempre me emociono com os seus comentários aqui!
      Eu tenho certeza que Ele sabe o que faz e acho que é por isso que eu tô aqui!
      Foi um ano intenso em todos os sentidos onde qualquer progresso meu, por menor que fosse, foi motivo de comemoração!
      me lembro que cheguei aqui sem saber nada e hoje por mais simples que sejam, mas já tenho muitas conquistas pra comemorar!
      seja o emprego, a evolução do idioma, eu saber utilizar o transporte públiva, meus jobs e principalmente as pessoas maravilhosas que eu tenho conhecido aqui e principalmente os meus anjos que vieram através do blog!
      e você é um deles com toda certeza!
      Brigada por tudo, brigada por ter vindo aqui dar uma olhadinha, brigada por ter ficado, brigada por estar comigo!
      Um beijão bem grandão

      Curtir

  5. Ana 12 de fevereiro de 2014 / 9:12

    Parabens pelo primeiro ano da Panela! Que venham muitos outros! Por mim, continuarei a te acompanhar sempre, pois alem de gostar muito dessa mistura, adoro como a dona adicona os ingredientes com muito amor e simpatia! Me emocionei com seu texto, alias, a gente vive se emocionando juntas ne!!! Te desejo muita forca e perseveranca nesta caminhada, e olha, estamos juntas nessa viu. Muitas felicidades, minha querida. Hoje e sempre!
    Super beijo de quem te admira e quer muito bem!
    Ana

    Curtir

    • pammiksch 13 de fevereiro de 2014 / 22:39

      Aninha, minha amiga querida!
      me emocionar com você já é pleonasmo! Duas choronas!
      mas eu fico sempre agradecida por ter te encontrado!
      Eu espero que não só a panela, como também o seu blog e a nossa amizade durem pra sempre!
      sei que a gente vai se encontrar um dia, mas só de ter aquele espacinho certo pra saber um pouquinho mais de você, já me deixa muito feliz!
      sabia que eu já treino até o post pro dia que a gente se encontrar
      vai se chamar: This German Panela hahahaha
      Você foi um anjo que apareceu na minha vida em forma de comentário, foi um comentário só e eu já me sentia sua amiga, foi um vínculo instantâneo .
      Que só graças a esse blog, que é bem simples, mas cheio de amor, que eu conheci tantos pessoas especias e que fazem minha vida longe de casa beeem mais feliz!
      Ana, que bom que você existe! Que bom que você faz parte disso tudo aqui!
      Te adoro!
      Um beijao bem grande

      Curtir

  6. banana 12 de fevereiro de 2014 / 11:05

    Legal panela! 🙂 Eu faz só 8 meses mas ta tudo ótimo! Beijos!

    Curtir

    • pammiksch 13 de fevereiro de 2014 / 22:39

      Pois é Banana, daqui a pouco você que vai completar um aninho!
      pensar que um dia desse a gente ainda tava conversando sobre a sua vinda, lembra?
      Eeee maravilha! Deu tudo certo! XD

      Curtir

  7. Camila Oliveira 12 de fevereiro de 2014 / 12:38

    E eu fiquei pensando esses dias mesmo quando foi que você havia ido pra ai. Lembrei que foi em fevereiro, mas não lembrava a data, lembro da nossa bagunça na casa da Bebis e foi tudo muito marcante. É como te falei o nosso convívio foi bem pouco, mas o suficiente pra saber que sempre estaremos dando força uma para a outra, torcendo uma pela outra e tendo um carinho beeeem grande. Você é excelente em tudo o que faz e com certeza haverão mais anos ai, anos lindos e cheios de coisas boas ao lado do Limão. Que em todos os seus dias você tenha em seu coração que essa foi uma decisão importante e certeira que você tomou em sua vida, que apesar dos desentendimentos seja lá com quem for, no final, tudo ficará bem, sempre fica. Então Pam, desejo a vocês mais anos de alegria e muitos sorrisos, mais anos de amor, prosperidade e superação, mais anos de emoções e até mesmo algumas desavenças porque creio que é por causa delas que nos fortalecemos e amadurecemos. Essa vida não são só flores, todo mundo gostaria que fosse, mas não é, mas ainda assim, sabemos que conseguiremos superar TUDO e que ficará ainda melhor. Parabéns por esses 365 dias, sinal de que você tem encarado tudo de muito peito aberto, na espera de conseguir mais dias assim. Desejo do lado de cá, do aconchego do Brasil que você seja feliz a cada dia que passar, que aprenda mais palavras em Alemão, porque quero ter aulas particulares, ahusuhauhsauhsa. Secretárias tem que se saber falar tudo o que é língua, né? Então, tudo que há de bom desejo a ti, Panela linda, beeeeeijos! ♥

    Curtir

    • pammiksch 13 de fevereiro de 2014 / 22:48

      Cá, imagina que luxo nós duas falando alemão por aqui?
      Te darei todas as aulas que você quiser!! Com todo amor do mundo!
      Eu as vezes acho que Deus fez a gente se encontrar pouco tempo antes de eu vir, porque senão a gente nao ia conseguir viver separadas!
      Eu vejo tanto de mim em você e vice-versa!
      Me orgulha muito ter sua amizade e todas ascoisas boas que você traz junto com você!
      essa sua alegria, seu amor á vida, eu também tenho e compartilho com você!
      Mal posso esperar pra gente se reencontrar, dar risada, matar as saudades e recuperarmos todo o tempo que essa distância feia deixa entre nós!
      Te adoro minha linda!
      Beijocaaas ! Muah! Muah! Muah!

      Curtir

  8. Silvia Lira 12 de fevereiro de 2014 / 12:46

    Eu sou do time da torcida!!! Que vc tenha muito sucesso e realize todos os seus sonhos!!
    Beijuuuu!!!

    Curtir

    • pammiksch 13 de fevereiro de 2014 / 22:57

      Ahhhhhhhhhhhhhh Silvia!!
      Você é do lado da torcida organizada! Sempre e deu muita força, fora as nossas zoeiras no curso!!
      Mal posso esperar pra te ver!
      Pode separar uns dias pra vir aqui na próxima viagem hein!!
      Muitas saudades!!
      Beijos enormes!!

      Curtir

  9. Carol 12 de fevereiro de 2014 / 23:59

    Não vou me demorar mas posso resumir tudo em duas frases: como não lembrar de vc com um sorriso no rosto? Sempre! Tenho orgulho de tudo o q vc é e de tudo, absolutamente tudo o que conquistou.
    Te amo! (de uma forma não lésbica huauhaauhauh)

    Curtir

    • pammiksch 13 de fevereiro de 2014 / 23:00

      Beeeeeeeesha! Nao me faça chorar que eu passei delineador hoje!
      Eu que tenho orgulho de poder ter um amizade tao bonita, tão verdadeira, tao maravilhosa há mais de dez anos!
      E tudo graças ao nosso bruxinho!
      Nunca terei palavras suficiente pra agradecer tudo que você e sua família fizeram e fazem por mim até hoje!
      Saudades do tamanho do universo!
      Te amo muito! ( mas também de uma forma nao lésbica)

      P.S: As bananadas acabaram no mesmo fim de semana, oremos! Hahahaha

      Curtir

  10. Blog do Óbvio - Manoel 13 de fevereiro de 2014 / 18:43

    Pam, que coisa boa a associação que você faz com um bebê. É verdade mesmo. Tudo que um bebê de um ano aprende você acaba de aprender aí. Principalmente falar. Pensando bem é uma grande vitória mesmo. Eu a conheço pouco mas torço muito pela sua felicidade por aí. Parabéns por essa data que deve ser muito comemorada.
    Um beijo,
    Manoel

    Curtir

    • pammiksch 13 de fevereiro de 2014 / 23:06

      Brigada pelo carinho, Manoel!
      Tem sido realmente um crescimento viver aqui.
      Agora eu deixei de engatinhar e já consigo andar com as duas pernas por assim dizer, me virar, me expressar.
      Mas ainda falta bastante pra viver ” de verdade” por aqui!
      Eu fico muito feliz de ter encontrado tanta gente legal, gente do bem, pessoas que mesmo á distância me ajudam através do blog e dos seus próprios blogs também!
      E você também é uma dessas pessoas!
      Nos encontramos recentemente nesse mundo virtual, mas eu tenho certeza que uma grande amizade chegou junto com você!
      Obrigada por fazer parte disso tudo !
      Muitos beijos

      Curtir

  11. Ana 14 de fevereiro de 2014 / 2:10

    te entendo perfeitamente, amo morar aqui no Canada, minha vida mudou completamente, nao sou a mesma que saiu do Brasil, aprendi muito sobre tudo, revi meus conceitos, sei das dificuldades com o idioma, da frieza do povo, da dificil integraçao com a sociedade, de começar tudo do zero e nem saber onde a vida vai nos levar, estou há quase dois anos longe de casa, é outra coisa que pesa muito, a gente aprende a valorizar mais a familia e as coisas boas do Brasil, principalmente as frutas tropicais, as comidas, tapioca, açai, coxinha, brigadeiro, sol, praia, colo de mae, é aquela sensaçao de coraçao dividido para sempre, é pertencer a todos lugares e a nenhum rsrs. Que venha mais anos de conquistas p vc!

    Curtir

    • pammiksch 16 de fevereiro de 2014 / 11:15

      ” Pertencer a dpois lugares e a nenhum” – que frase perfeita, Ana!
      Exatamente isso que eu sinto, pois sei que quando for visistar meu povo no Brasil, também vou sentir falta de coisas daqui!
      Eita vida complicada de expatriada, mas a gente se vira como pode né?
      Pega um pouquinho de um, mistura no outro e vamos que vamos!
      Brigada pelo carinho!
      Um beijo beeem grande pra você!

      Curtir

  12. Marcela 6 de março de 2014 / 13:52

    Oi Pam, eu leio seu blog há muito tempo, mas nunca comentei. Tem sempre a primeira vez, né? Fiquei um tempo sem acessar e estou tirando o tempo perdido hoje, daí achei esse post. Queria te dar parabéns, pois morar longe de tudo o que a gente conheceu, viveu uma vida inteira, não é fácil. Te desejo muita felicidade e que você realize todos os seus sonhos!

    beijos

    Curtir

    • pammiksch 7 de março de 2014 / 18:34

      Oi Marcela!
      Muito obrigada pelo carinho!
      Fico muito feliz que você goste aqui do blog e que tenha comentado!
      Eu entendo isso, tem muito blog que eu leio também, mas não comento!
      O importante é que você goste e que venha aqui ver as novidades!
      Sempre vou me alegrar com a sua presença aqui na Panela!
      Morar fora nao é fácil não, mas até agora tem dado tudo certo graças a Deus!
      Um pouqinho de melancolia vez ou outra, vontade de voltar pra casa, dias que eu me sinto um máximo quando consigo falar em alemão direitinho e com certeza muito micos pra contar pra vocês aqui! Hahahaha
      Um beijo bem grandao e brigada pelo carinho, minha linda!

      Curtir

Fala que eu te escuto ( e respondo também)!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s